Volta às aulas presenciais será optativa na rede municipal de SP

O Conselho Municipal de Educação de São Paulo está preparando uma resolução para permitir aos pais optarem por não mandar os filhos à escola em um eventual retorno presencial de aulas. Os responsáveis que fizerem esta opção poderão seguir com ensino a distância com o acompanhamento da Secretaria Municipal de Educação, de acordo com nota enviada nesta terça-feira (28) pela prefeitura.

A Câmara dos Vereados de São Paulo deve realizar nesta quarta-feira (29) a primeira votação do projeto de lei 452/2020, que trata da volta às aulas presenciais, permite a contratação de até 20% de professores temporários e contratar vagas de ensino infantil na rede privada, em um limite de até 5% – o que corresponde a 14 mil vagas.

A proposta estava em debate nesta terça-feira em audiência online. A expectativa é que o projeto seja aprovado até semana que vem já em segunda votação para ser encaminhado à sanção do prefeito.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime