RMVale tem 22 mortes no trânsito e 2020 começa com menos acidentes

Com 22 mortes em acidentes de trânsito em janeiro de 2020, a RMVale teve o primeiro mês do ano menos violento de toda a série histórica do Infosiga (Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo), que começa em 2015.

Em janeiro do ano passado, a região registrou 23 mortes em acidentes de trânsito.

Nos demais anos, o número de óbitos no primeiro mês também foi superior ao deste ano: 36 (2018), 31 (2017), 25 (2016) e 37 (2015).

Trata-se de boa notícia para a região, que terminou 2019 com 390 mortes em acidentes de trânsito, maior número de óbitos desde 2016, ano que fechou com 431 vítimas fatais.

O ano passado fechou com aumento de 9% comparado ao número de mortes de 2018, que registrou 358 óbitos no trânsito da região.

Em todo o estado, foram registradas 406 fatalidades de trânsito em janeiro de 2020, índice 5,6% menor na comparação com o mesmo período de 2019 (430 óbitos).

Houve uma queda nas ocorrências fatais tanto em vias municipais (-8,2%) quanto em rodovias (-2,9%).

PERFIL.

As 22 mortes no trânsito da região em janeiro ocorrem mais em rodovias (12) do que nas vias municipais (8). As estradas também registraram aumento de 140% no número de mortes na comparação com janeiro de 2019, quando 5 pessoas morreram em acidentes nas rodovias da região.

Os carros foram os veículos com maior percentual de envolvimento em acidentes fatais no início de 2020 (9 óbitos), contra apenas uma morte no ano passado. As motos foram responsáveis por 8 mortes em 2020 e 11, no ano passado, queda de 27%.

Ainda houve três mortes de ciclistas e duas de pedestres, com aumento de 50% nas bicicletas (2 mortes em 2019) e queda de 75% entre os pedestres (8 óbitos em 2019).

A colisão (batida em movimento) foi a principal causa das mortes em 2020, com 6 óbitos, seguida do choque (4) e do atropelamento (2).

Com exceção do choque, que cresceu 300% ante 2019 (1 morte), a colisão caiu 40% e o atropelamento reduziu 78%.

Nove cidades da região registram óbitos; Taubaté e Caraguá são líderes do ranking

As 22 mortes de janeiro ocorreram em 9 cidades, contra 11 municípios com vítimas fatais em 2019. Taubaté e Caraguatatuba lideram o ranking de janeiro de 2020, respectivamente com 7 e 3 mortes no trânsito. Depois aparecem Aparecida (3), Guaratinguetá, Caçapava e São José dos Campos (2 cada) e Jacareí, Lorena e Pindamonhangaba (uma morte cada). Jacareí e Pindamonhangaba conseguiram reduzir em 50% os óbitos em acidentes na comparação com janeiro de 2019. Aparecida aumentou 200%, São José dobrou e Taubaté registrou alta de 75%. Com mortes em janeiro de 2019, São Sebastião e Santa Branca zeraram os óbitos em 2020.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime