“Não se iludam com boataria”, diz prefeito de BH sobre reabertura

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), classificou como “boataria” as especulações crescentes sobre a reabertura de lojas na cidade na próxima semana.

Em publicação feita em uma rede social, o prefeito afirmou que o futuro da capital mineira ainda é incerto. Segundo Kalil, a decisão sobre o assunto só vai ser tomada nesta sexta-feira (5).

“Atenção, população de Belo Horizonte: não se iludam com boataria. Ainda não sabemos o que vamos abrir – ou mesmo se vamos abrir. Resolveremos na sexta-feira. Cuidado com fake news”, alertou Kalil.

Reabertura em BH

A Prefeitura de Belo Horizonte começou a reabertura da cidade no dia 25 de maio. Na data, foram liberados alguns comércios varejistas, lojas de peças de carro, shopping populares e salões de beleza. Foram quase 10 mil empresas abrindo as portas e 30 mil trabalhadores voltando ao batente.

A equipe de Kalil determinou que a volta das outras atividades deve acontecer em etapas, a depender do ritmo de crescimento da covid-19 na cidade. Os especialistas vão se reunir semanalmente para avaliar a situação.

Leia também: Entenda como funciona o plano de reabertura em BH

Na primeira semana após a reabertura, contudo, a prefeitura decidiu esperar mais sete dias para liberar uma nova fase. A pausa foi causada pelo crescimento de casos nas cidades vizinhas. Uma nova decisão sobre o assunto vai ser divulgada nesta sexta-feira.

De acordo com a SES (Secretaria de Estado de Saúde), BH tem 1.978 infectados e 55 mortes provocadas pela covid-19 até esta quinta-feira (4). Em toda Minas Gerais são 13.034 moradores contaminados e 323 óbitos.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime