Membros da CPI irão a Haia em janeiro entregar lista de crimes de Bolsonaro

Senadores membros da CPI da Covid irão a Holanda em janeiro de 2022 para apresentar ao Tribunal Penal Internacional de Haia o relatório final da comissão. A cúpula planeja entregar uma lista de crimes contra humanidade cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante a pandemia do novo coronavírus no Brasil. As informações são do jornalista Igor Gadelha.

De acordo com integrantes do Observatório da Pandemia do Senado – grupo de trabalho que continuam com os trabalhos na Casa -, senadores buscam realizar a entrega do relatório no dia 24 de janeiro. Nesse período, o Congresso estará em recesso.

Trechos do relatório final, elaborado pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), serão traduzidos do português para o inglês para que o documento possa ser entregue ao tribunal de Haia.

O Tribunal Penal Internacional, segundo a cúpula da CPI, age quando as leis do país não enquadram crimes contra humanidade ou quando as autoridades agem para não punir eventuais criminosos. Senadores acreditam que ambos os casos se aplicam à situação no Brasil.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime