Mais de 23 mil aguardam por consulta com médicos especialistas em Taubaté

Mais de 23 mil pacientes aguardam por uma consulta com médicos especialistas na rede municipal de saúde de Taubaté.

Além disso, a fila de espera por exames e cirurgias em unidades de saúde do município tem mais de 13,6 mil pacientes.

Os dados foram informados pelo governo Ortiz Junior (PSDB) à Câmara, em resposta a um requerimento da oposição.

Uma lei municipal de abril de 2019 obriga a Prefeitura a divulgar no site oficial a lista de pacientes que aguardam por consultas com especialistas, exames e cirurgias, mas a norma nunca foi cumprida.

FILA.

Ao todo, 23.212 pacientes aguardam por uma consulta com médicos especialistas na rede municipal de saúde.

O dado inclui a lista do Centro de Especialidades (Policlínica), das UBSMais, da Policlínica Infantil e da Casa da Mãe Taubateana.

As maiores esperas são para oftalmologista (5.189), neurologista (2.575), dermatologista (2.344), gastro (1.922), cardiologista (1.812), cirurgião vascular (1.574), ortopedista (1.502), reumatologista (1.498) e otorrino (1.136).

Segundo o governo Ortiz, a rede conta com 69 médicos especialistas e cada profissional faz cerca de 80 consultas por semana.

DEMORA.

Com relação a exames e cirurgias, a fila de espera tem 13.660 pacientes.

Dentre os procedimentos com maior espera estão ultrassom transvaginal (3.272), endoscopia (2.257), ultrassom de abdome total (1.653), mapa 24h (1.151), espirometria (786), holter 24h (637), ultrassom de mama (495) e ultrassom de ombro (435).

No requerimento, que foi aprovado por unanimidade em plenário, o vereador João Vidal (PSB) havia solicitado o número de exames e cirurgias realizados, mês a mês, de fevereiro de 2019 a fevereiro de 2020. O governo Ortiz não forneceu o dado – respondeu apenas que os números já foram apresentados à Câmara em audiências públicas.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime