Finlândia é eleita o país “mais feliz do mundo”; Brasil ocupa 39ª posição, segundo estudo da ONU

A Finlândia é o “país mais feliz do mundo”, pelo quinto ano consecutivo, na classificação “World Happiness Report” (Relatório de Felicidade Mundial), no qual o Afeganistão aparece em último lugar.

O Brasil aparece na 39ª posição, o terceiro país latino-americano melhor colocado, atrás da Costa Rica (23ª) e do Uruguai (30º). Entre os latinos, a Venezuela (108º) é o país que ocupa a pior posição, atrás inclusive do Iraque.

“Os três avanços mais importantes foram os da Sérvia, Bulgária e Romênia. Os retrocessos mais fortes aconteceram com Líbano, Venezuela e Afeganistão”, segundo o “World Happiness Report”, um estudo financiado pela ONU e que começou há 10 anos.

A Finlândia, com nota 7,82 em uma escala que vai até 10, supera Dinamarca, Islândia, Suíça e Holanda, países que completam o grupo de cinco mais felizes do mundo.

O relatório é baseado em pesquisas que questionam as pessoas sobre a sensação de felicidade e cruzam as informações com dados do PIB, níveis de liberdade individual ou de corrupção, entre outros dados.

“A lição obtida do relatório, nestes dez anos, é que a generosidade entre as pessoas e a honestidade dos governos são cruciais para o bem-estar”, afirmou Jeffrey Sachs, um dos coautores. “Os líderes mundiais deveriam levar isto em consideração”, acrescentou.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime