Em 2020, 3,7 milhões de consultas oftalmológicas não foram feitas

O número de consultas e cirurgias relacionadas à visão diminuiu bastante durante a pandemia da covid-19 no Sistema Único de Saúde (SUS). Em 2020, de acordo com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), cerca de 3,7 milhões de consultas deixaram de ser realizadas, uma queda de 35% se comparado ao ano de 2019. Já nas cirurgias, houve uma redução de 27%, ou seja, 390 mil procedimentos não foram realizados no ano passado.

Sem a realização de exames e consultas para detecção da doença na fase inicial, muitas pessoas acabaram sendo prejudicadas e tendo uma evolução do problema que poderia ter sido evitada. Segundo o CBO, em 2019 foram realizadas 10,8 mulhões de consultas oftamológicas pelos SUS. Já em 2020, foram 7,1 milhões, a maior queda em todas as especialidades disponíveis na rede pública. Abril e maio foram os meses que apresentaram os piores índices, com redução de 74% e 71%, respectivamente, no total de procedimentos.

Já no caso das cirurgias, os dados mostram que em 2020, foram realizados quase 390 mil procedimentos a menos que em 2019. No ano passado foram cerca de 1 milhão de cirurgias oftalmológicas, no ano anterior, foram 1,4 milhão.

De acordo com o CBO, mesmo com a retomada dos procedimentos, os índices de 2021 não devem superar os do ano de 2019. Já que até o primeiro semestre de 2019, cerca de 5,2 milhões de consultas oftalmológicas foram realizadas, já em 2021, no mesmo intervalo, foram 4,8 milhões.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime