Coronavírus: sobe para 34 o nº de mortos no Brasil; 1.891 casos confirmados

O Ministério da Saúde anunciou hoje nas redes sociais que subiu para 34 o número de mortes por conta do coronavírus no Brasil — um aumento de nove vítimas desde os dados oficiais de ontem.

Todas as mortes aconteceram na região Sudeste: 30 em São Paulo e quatro no Rio de Janeiro, o que equivale a 1,8% do número total de casos no país.

Todos os estados brasileiros contam com casos de coronavírus. Os dados mais recentes apontam 59 casos do Norte; 308 no Nordeste; 1.135 no Sudeste; 179 no Centro-Oeste; e 210 no Sul.

O estado com o maior número de casos é São Paulo, com 745 confirmações

Cabe lembrar que há discrepâncias entre os dados oficiais do governo federal e a quantidade real de infectados e de mortos em decorrência da doença.

Atrasos na contabilização dos casos e os fatos de até 80% dos infectados serem assintomáticos e de que nem todos os pacientes são testados estão por trás dessa defasagem. Nos EUA, um estudo estima que o número de infectados seja até cinco vezes o dado oficial.

Telemedicina
Hoje, o Ministério da Saúde publicou, em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), a portaria para regulamentar atendimentos médicos a distância, por teletrabalho. A liberação da telemedicina ocorrerá excepcionalmente durante o período de pandemia do novo coronavírus.

O objetivo da medida é “reduzir a propagação do covid-19 e proteger as pessoas”. A modalidade poderá ser usada para atendimento pré-clínico, de suporte assistencial, de consulta, monitoramento e diagnóstico no Sistema Único de Saúde (SUS) ou na rede privada.

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS (Organização Mundial da Saúde), disse também hoje que a pandemia do novo coronavírus está acelerando e que mais de 300 mil casos de covid-19 já foram reportados em quase todos os países.

“A pandemia está acelerando. Foram necessários 67 dias a partir do primeiro caso relatado para alcançar os primeiros 100 mil casos, 11 dias para o segundo 100 mil e apenas 4 dias para o terceiro 100 mil”, disse Tedros em coletiva de imprensa.

Deixe comentário

× Fale com a Showtime